Seu eletrônico velho amplia inclusão digital – Agência Brasília

    0
    7
    Seu eletrônico velho amplia inclusão digital – Agência Brasília
    Seu eletrônico velho amplia inclusão digital – Agência Brasília

    imagem26-09-2020-12-09-57Aparelhos são desmontados para conserto ou reaproveitamento de peças | Foto: Reciclotech

    O Governo do Distrito Federal trabalha para ampliar a inclusão digital e democratizar o acesso às tecnologias da informação para a população. Neste fim de semana, uma ação itinerante de coleta de lixo eletrônico vai passar por duas cidades para recolher materiais sem uso. Itens como computadores, monitores e aparelhos celulares serão reciclados e doados a escolas, bibliotecas e outros pontos de interesse público selecionados.

    “Às vezes a pessoa tem em casa um computador parado, defasado, estragado. A gente vai pegar, recondicionar e entregar para uso de quem precisa, como os alunos das escolas públicas”Anderson Freire, assessor especial da Secti e coordenador do projeto

    Uma tenda será montada nos estacionamentos das administrações regionais para recolher produtos que estão sem uso nas casas dos moradores, sempre aos finais de semana. Neste sábado (26) e domingo, a coleta será no Gama e no Guará, respectivamente, das 10h às 16h. Serão recebidos quaisquer tipos de lixo eletroeletrônico. Além do descarte correto, a doação ainda promoverá cidadania.

    “Às vezes a pessoa tem em casa um computador parado, defasado, estragado. A gente vai pegar, recondicionar e entregar para uso de quem precisa, como os alunos das escolas públicas. Hoje vemos a necessidade para levar esses equipamentos para acesso das plataformas de ensino online. Então, a ação será rápida para suprir esse tipo de necessidade”, explica o assessor especial da Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação (Secti) Anderson Freire, idealizador e coordenador do projeto.

    imagem26-09-2020-12-09-02

    O drive-thru do lixo eletrônico parte do Reciclotech, um programa desenvolvido pela própria Secti com a Organização Social Programando o Futuro, instituição parceira que já executa serviços de recondicionamento de materiais. Apesar de ter lançamento oficial previsto para outubro, com uma série de atividades, as ações vão sair do papel neste fim de semana, chegando às primeiras cidades. A expectativa é de que todas as regiões administrativas recebam a operação itinerante.

    Primeiras cidades

    Leia também

    DF terá 120 Pontos de entrega voluntária de eletroeletrônicos

    Este sábado é dia de drive-thru no Gama. Administradora regional, Joseane Feitosa valoriza a iniciativa que permitirá potencializar os resultados, já que o órgão tem um ponto de entrega voluntária dos materiais. “Estamos muito felizes pela parceria, principalmente porque um dos principais projetos é que os computadores sejam adequados e doados para quem precisa”, afirma.

    Ao longo da semana, relata Joseane, foram feitas ações de sensibilização da comunidade sobre a importância do evento no fim de semana, com divulgação nas ruas, nos comércios e nas redes sociais. No dia seguinte é a vez de a população do Guará contribuir.

    imagem26-09-2020-12-09-05Separação de materiais facilita processos de reciclagem | Foto: Reciclotech

    “O drive-thru reforça o empenho do GDF em minimizar o descarte de eletrônicos de forma indevida e ainda ajudar pessoas que necessitam de um computador ou qualquer outro eletrônico para se comunicarem. O momento de pandemia que atravessamos reforçou ainda mais essa importância”, destaca a administradora da cidade, Luciane Quintana.

    O Guará também possui um contêiner exclusivo para o recebimento dos aparelhos, mas o drive-thru é considerado um impulso. “Acreditamos que iremos alcançar mais pessoas, trazendo a conscientização sobre o descarte correto e a preservação do meio ambiente”, acrescenta Luciane.