CHINA – Exibir Gospel

0
34
CHINA – Exibir Gospel
CHINA – Exibir Gospel

Discipulado para cristãos ex-muçulmanos

Cristãos de origem muçulmana experimentam a perseguição mais severa na China. O trabalho da Portas Abertas no país fortalece e encoraja irmãos e irmãs ex-muçulmanos que enfrentam perseguição do governo e da comunidade. Suas orações e apoio dão a eles força e encorajamento para enfrentarem a perseguição de forma bíblica e permanecerem inabaláveis. Uma doação de R$ 98,50 mantém o programa de discipulado para que cristãos ex-muçulmanos na China saibam enfrentar a perseguição de forma bíblica.

A perseguição na China

Atualmente, a perseguição aos cristãos na China voltou a alcançar um ponto alto, com repressões às igrejas em uma escala não vista nas duas décadas anteriores. Muitos líderes e cristãos estão impactados com a intensidade da pressão, principalmente os mais jovens. As igrejas também foram afetadas desde que as novas regulamentações relacionadas à religião foram implementadas, em 2018. O governo pressiona as igrejas, “convidando-as” para se registrarem. Caso contrário, são consideradas ilegais e podem ser invadidas.

Conheça Pearl

Pearl (pseudônimo) é uma colaboradora da Portas Abertas que trabalha com cristãos ex-muçulmanos na China. Ela afirma que a rejeição da família e amigos é apenas um dos desafios enfrentados por esse grupo de cristãos no país. Segundo ela, é muito difícil encontrá-los ou entrar em contato com cristãos ex-muçulmanos chineses, já que sempre se reúnem em segredo.

“Nós primeiro ouvimos suas necessidades e dificuldades. Depois, os confortamos, usando a palavra de Deus para encorajá-los, e oramos por eles. Oferecemos ainda treinamento bíblico para ajudá-los a entender a salvação e experimentar o amor de Jesus. Isso tem ajudado os cristãos a permanecerem fortes na perseguição”, explica Pearl.

Sua doação proporciona programas de discipulado para que cristãos ex-muçulmanos chineses saibam enfrentar a perseguição de forma bíblica.

Ao doar para qualquer projeto, você se torna um parceiro e recebe de presente a assinatura da Revista Portas Abertas, com validade de um ano.

Caso o valor arrecadado ultrapasse o orçamento do projeto, as doações serão utilizadas em outras necessidades do campo.

Fonte: Portas Abertas