Promoção da brasileira Alter vai dar 3 PS5 de graça para quem cadastrar chave PIX na fintech de Bitcoin

0
19
Promoção da brasileira Alter vai dar 3 PS5 de graça para quem cadastrar chave  PIX na fintech de Bitcoin
Promoção da brasileira Alter vai dar 3 PS5 de graça para quem cadastrar chave PIX na fintech de Bitcoin

O Alter, empresa brasileira de Bitcoin, lançou recentemente o sistema PIX para seus clientes.

Com esse serviço, clientes Alter poderão transferir o seu dinheiro (real), alocado na conta Alter, de forma rápida e segura, através do PIX.

Assim, segundo anuncio da empresa, para comemorar esse lançamento, a fintech lançou a promoção Pix Premiado Alter, que sorteará 10 prêmios de R$500,00 em cBRL, totalizando R$5.000,00 em cBRL, e 3 PS5 Edição Digital, durante o período de vigência da promoção (01/04 a 26/06).

Serão quase três meses de prêmios e, para participar da promoção, o usuário deve cadastrar pelo menos uma chave Pix, de qualquer tipo, no app do Alter. São até 5 chaves Pix, por exemplo: 1 CPF, 2 telefones, 1 e-mail e 1 chave aleatória e cada chave cadastrada funciona como um número da sorte para participar dos sorteios.

“Queremos com essa promoção atrair um número maior de pessoas para usar o PIX integrado a nossa plataforma de criptomoedas. Somos os primeiros do mercado cripto a realizar essa integração completa ao sistema financeiro, que trás uma dinâmica nunca vista ao mercado cripto no Brasil”, revela Vinicius Frias, fundador e CEO do Alter.

Os sorteios acontecem a cada sexta-feira, com prêmios semanais de R$500,00 em cBRL. E, a cada último sábado do mês, haverá um sorteio de um Playstation 5 Digital Edition, sendo três sorteios no total. É necessário que o vencedor possua AlterConta ativa, com pelo menos uma chave Pix cadastrada (Telefone, CPF, CNPJ ou e-mail).

Alter e Visa

Recentemente a fintech anunciou uma parceria com a gigante mundial de cartões e pagamentos Visapara oferecer um sistema de cashback que devolve até 1% do valor da compra em Bitcoin.

Chamado de Criptoback, segundo a empresa, a funcionalidade surgiu da necessidade dos usuários terem um retorno em bitcoins que realmente funcionasse em qualquer lugar ou estabelecimento e não apenas em lugares parceiros. 

“O cashback já é muito utilizado em países como os Estados Unidos e em alguns da Europa. Aqui no Brasil, alguns e-commerces populares já praticam esse tipo de modalidade. Somos um dos primeiros a utilizar esse método com as frações do Bitcoin aqui no país. O usuário que receber o cashback pode optar por utilizar ou investir esse dinheiro acumulado em nosso cartão. Com isso, queremos criar para os antigos e novos usuários uma possibilidade de ter as criptomoedas como retorno em suas compras do dia a dia” revela Vinicius Frias, CEO do Alter.

Segundo o vice-presidente de novos negócios da Visa, a empresa vem trabalhando em ser uma ponte entre as moedas digitais e a rede global de varejistas.

“A Visa tem trabalhado para ser uma ponte entre as moedas digitais e nossa rede global de milhões de estabelecimentos comerciais. Acreditamos que as moedas digitais têm potencial para levar o valor dos pagamentos digitais a um número maior de pessoas e lugares. Assim, queremos ajudar a definir e apoiar seu papel no futuro do dinheiro de forma segura”, conta Eduardo Abreu, vice-presidente de Novos Negócios da Visa do Brasil.

LEIA MAIS