Nota de Pesar: Joka Pavaroti, carnavalesco – SECRETARIA DE ESTADO DE CULTURA E ECONOMIA CRIATIVA

0
49
Nota de Pesar: Joka Pavaroti, carnavalesco – SECRETARIA DE ESTADO DE CULTURA E ECONOMIA CRIATIVA
Nota de Pesar: Joka Pavaroti, carnavalesco – SECRETARIA DE ESTADO DE CULTURA E ECONOMIA CRIATIVA

Ascom/Secec

5.6.21

12:30.01

 

A Secretaria de Cultura e Economia Criativa (Secec) lamenta a morte do jornalista e carnavalesco Joka Pavaroti, como era conhecido José Antônio Filho, 71 anos, um dos fundadores do bloco Pacotão, o mais antigo do Distrito Federal, que, desde 1978, faz da folia uma crônica política e comportamental do Brasil.

 

Também carinhosamente chamado de Joanfi, Joka Pavaroti morreu na noite de sexta-feira (4.6) após uma intervenção cirúrgica para retirada de um tumor no intestino.

 

Entusiasta do carnaval de Brasília, autor e puxador de marchinhas satíricas, Joka Pavaroti ajudou a dar à folia de rua do DF uma identidade, realizando uma festa autêntica e cheia de crítica social. Nos anos 1980, o Pacotão arrastava mais de 30 mil foliões pelas vias do Plano Piloto, anunciando que, nas décadas seguintes, Brasília estaria entre as cidades com maior participação popular nas ruas.

 

“Nosso carnaval sempre foi na contramão do poder. A crítica política e social é o nosso embalo”, dizia Joka Pavaroti.

 

Assessoria de Comunicação da Secretaria de Cultura e Economia Criativa (Ascom/Secec)

e-mail: comunicacao@cultura.df.gov.br